Respostas

2013-08-27T19:09:56-03:00
A produção de energia elétrica diretamente da conversão da energia solar, denominada de energia
solar foto-voltaica, apresenta baixo impacto ambiental, porém necessita de todo o investimento na instalação. Uma das
linhas de pesquisa seguidas para a redução de custos é o desenvolvimento de células solares de alta eficiência e/ou
baixo custo. O objetivo deste trabalho foi analisar a influência da largura das trilhas metálicas frontais e posteriores
nos parâmetros elétricos de células solares industriais, de 64 cm², para substratos de silício monocristalino crescido
por fusão zonal flutuante (Si-FZ) e metalização por evaporação de metais. Foi projetada a estrutura da célula solar e
aperfeiçoada a metodologia para otimização da estrutura apresentada. Em relação à otimização das regiões dopadas,
foram otimizadas as regiões n+ e p+ da estrutura n+np+, com emissor seletivo posterior. Utilizando este método,
também foi calculado o número de trilhas e a largura da barra coletora para cada célula solar otimizada. Concluiu-se
que a largura das trilhas da malha de metalização na face frontal deveria ser de 30 μm. Também se verificou que
quanto maior a largura das trilhas da malha de metalização, maior deve ser a profundidade da junção, independente
da região dopada.