O Império Bizantino, que atravessou a Idade
Média chegando até o início da Idade Moderna, caracterizou-se, dentre outros
aspectos, pelo caráter multicultural de sua sociedade.

Com base nos conhecimentos sobre essa
sociedade, identifique e explique 3 razões que justifiquem essa afirmação.

1

Respostas

2013-09-21T12:12:19-03:00
A posição geográfica privilégiada de Constantinopla - ponto de passagem para os comerciantes que circulavam entre o Oriente e o Ocidente - favoreceu o desenvolvimento comercial e industrial da cidade, que contava com numerosas manufaturas, como as da seda.
A cultura bizantina refletia profunda influência romana, grega e oriental. A arte combinava o luxo e a exuberância do Oriente com o equilíbrio e a sobriedade dos romanos. Sua mais alta expressão está nas igrejas, coroadas por majestosas cúpulas, distintas do estilo das basílicas romanas. 
-----------> O Império Bizantino atingiu seu esplendor no governo de Justiniano(527-565) e conseguiu atravessar a Idade Média como um dos Estados mais poderosos do Mediterrâneo. Enquanto no Ocidente o Império Romano se desintegrava, devastado pelas invasões germânicas, Constantinopla conseguia manter a unidade do Império do Oriente, que compreendia a península Balcânica, a Ásia Menor, a Síria, a Palestina, o norte da Mesopotâmia e o nordeste da África. 
O Império Bizantino chegou ao fim apenas em 1453, quando o sultão Maomé II destruiu as muralhas de Constantinopla com poderosos canhões, fabricados por artífices saxões. A antiga Constantinopla, que do ponto de vista cultural representou a síntese entre o mundo greco-romano e o mundo oriental, é hoje Istambul, a principal cidade da Turquia. <----------
10 3 10