Respostas

2013-10-07T16:06:33-03:00
O auge do Império Bizantino foi atingido durante o reinado do imperador Justiniano (527-565), que visava reconquistar o poder que o Império Romano havia perdido no ocidente. Com este objetivo, ele buscou uma relação pacífica com os persas, retomou o norte da África, a Itália e a Espanha. Durante seu governo, Justiniano recuperou grande parte daquele que foi o Império Romano do Ocidente. 
Ele organizou e aprimorou as leis do Império Bizantino, adaptando os aspectos do Direito Romano e assim surgiu o Corpus Júris Civilis, uma extensa obra constituída de leis, decretos e normas. Procurou unir politicamente o império por meio da religião, para tanto se fazia necessário vencer e superar as diferenças doutrinárias e acabar com o paganismo. A partir dele se destacou o cesaropapismo: o imperador era chefe de Estado e da Igreja (opinando fortemente em relação às questões religiosas). 
10 4 10