Respostas

2013-11-01T11:20:44-02:00
USA "S"

1) O S com som de Z aparece entre duas vogais: casa, liso, lesão, asa, vaso, uso, tosa, etc...

2) Palavras terminadas em OSO e OSA: deliciosa, gostoso, apetitoso, carinhosa, horroroso.
exceção: gozo

3) Palavra derivada de outra grafada com S:
Análise - analisar, analisando, analisado, etc...

4) Nas conjugações de "pôr" e "querer": puser, pusemos, quisesse, quisemos, quis

5) Depois de ditongos: coisa, lousa, Neusa, 

6) Palavras terminadas em ASE, ESE, ISE, ISA, OSE: frase, osmose, crise, lactose, tese.
exceções: gaze e deslize

7) Palavras derivadas de verbos terminados em ERTER, ERTIR, CORRER, PELIR, NDER, NDIR:  inversão (inverter), diversão (divertir),  concurso (concorrer), expulso (expelir), defesa (defender), fusão (fundir)

8) Usa-se "s" no sufixo INHO quando a letra fizer parte do radical de origem. Caso contrário, usa-se "z": Teresinha (Teresa), casinha (casa), mulherzinha (mulher), pãozinho (pão). 




USA "S" OU "Z"

1) Usa-se ISAR se a palavra de origem for escrita com S: analisar (análise), pesquisar (pesquisa), improvisar (improviso). Caso contrário, se a palavra de origem não for escrita com S, usa-se IZAR: aterrorizar (terror), economizar (economia), modernizar (moderno, modernidade)


2) Sufixos ÊS e ESA  na formação de palavras que indicam, profissão, nacionalidade o títulos de nobreza: chinês, francesa, poetisa, profetisa, marquesa, marquês, baronesa, burguês, inglesa, etc...
exceção: juíza (feminino de "juiz", que se escreve com "z")

Sufixos EZ e EZA quando forem substantivos abstratos originados de adjetivos (indicarem qualidade): limpeza (limpo), sutileza (sutil), boniteza (bonito), tristeza (triste), timidez (tímido).


3) Derivadas de palavras escritas com S são escritas com S: visitante (visita), casar (casamento),parasitar (parasita), paralisar (paralisia).
Derivadas de palavras escritas com Z são escritas com Z: enraizar (raiz), realizar (realização). 

USA "SS"

1) Derivados de verbos terminados em DIR, TIR, MIR, TER, DER: agredir (agressão), permitir (permissão), imprimir (impressão), remeter (remissão), conceder (concessão)

2) Superlativos sintéticos : lindíssimo, belíssima, felicíssimo, fortíssimo 

3) Pretérito imperfeito do subjuntivo dos verbos: se eu colhesse, se tu colhesses, se ele colhesse, se nós colhêssemos, se vós colhêsseis, se eles colhessem. 

4) Palavras compostas onde se dobra o "s": mini + saia = minissaia; homo + sexual = homossexual, pluri + significação = plurissignificação. 

5) Derivados de palavras terminadas em CEDER, PRIMIR, GREDIR, METER: excesso (exceder), concessão (conceder), impressão (imprimir), depressão (deprimir), progresso (progredir), agressão (agredir), compromisso (comprometer), promessa (prometer), 

USA "XS" ou "XC"

Em dígrafos que tem o mesmo som de "SS": excêntrico, excedente, exsudar.

USA "SÇ"

Na conjugação de determinados verbos: nascer (nasço, nasça), descer (desço, desça), etc...

USA "CH"

1) Palavras derivadas de primitivas que tenham o CH: enchoçar (choça)


Palavras escritas com SC: 
abscesso, abscissa, adolescente, adolescência, arborescer, ascendente, ascensão, acréscimo, condescendente, consciência, crescer, descender, descendente, descer, discente, discernir, disciplina, discípulo, fascículo, fascinar, florescer, intumescer (inchar), imprescindível, irascível, isósceles, juvenescer, miscigenação, nascer, obsceno, oscilar, piscina, plebiscito, prescindir, rejuvenescer, reminiscência,rescisão, ressuscitar,suscitar, suscetível, transcender, víscera