Respostas

2013-04-07T16:37:47-03:00
Síndrome provoca dores e cansaço extremo no corpo  

    Por Minha Vida - publicado em 22/01/2007            

Share on email     Share on facebook     Share on twitter     9                       

 

Preste atenção aos avisos que o seu organismo envia para você. Sentir cansaço o tempo todo pode até parecer normal, diante da correria do dia-a-dia. Mas alguns sinais devem ser encarados como uma luz vermelha.
Se o cansaço perdura ao longo de meses, não importa quantas horas você tenha descansado, pode ser um sintoma da síndrome da fadiga crônica. O mal provoca dores terríveis no corpo e exaustão e, por enquanto, tem um diagnóstico nebuloso apesar do evidente abalo que causa na qualidade de vida de seus portadores. O tratamento inicia com a investigação do cansaço sintoma determinante para caracterizar a síndrome. Se ele estiver presente há, pelo menos, seis meses seguidos o laudo é certo. "Normalmente, trata-se de um cansaço sem explicação aparente. O paciente não se recorda de ter feito ennhum esforço fora da rotina e, mesmo assim, sofre uma falta intensa de disposição", explica o médico Jamil Natur, professor de reumatologia da Unifesp.
Dores na cabeça, nos gânglios do pescoço e axilas, nos dentes, nas articulações e nos músculos também indicam que a síndrome está rondando a área.
Depois de identificado, o problema pode ser tratado de várias formas o método escolhido vai variar de acordo com os sintomas e pode envolver desde medicamentos, exercícios ou até tratamento psicológico.
Descobrir a doença é quase um serviço para peritos em investigação, assim como revelar seus fatores de risco. Vários estudos já levantaram as hipóteses que pode detonar a doença: infecção viral, exposição demasiada aos produtos químicos, predisposição genética e problemas neurológicos estão no topo da lista.
"As pesquisas avançam, mas não existe consenso quanto a esses sinais. Só percebemos que eles aparecem com freqüencia e, portanto, precisam ser investigados mais a fundo", diz o professor.

 

FONTE: minhavida.com

2013-04-07T17:33:41-03:00

PRINCIPAIS PONTOS DE DOR

A fibromialgia, doença identificada apenas nas últimas décadas, caracteriza-se por dor crônica que migra pelo corpo e manifesta-se predominantemente em um de seus lados, embora o outro também seja sensível.
São nove os pontos fundamentais de cada lado, portanto 18 no total, em que a dor pode instalar-se: 
1)     na região subocciptal (atrás da cabeça);
2)     no músculo trapézio (em cima do ombro e nas costas);

3)      na região supraespinal;

4)      na altura das vértebras cervicais;

5)      na articulação condrocostal, onde a segunda costela se insere no osso esterno;

6)      no joelho, especialmente na parte de trás do joelho;

7)      no trocanter, área onde o fêmur se encaixa na bacia;

8)      na região glútea;

9)      do lado do cotovelo.

Em 90% dos casos, a doença atinge as mulheres o que de certa forma confundiu o diagnóstico, uma vez que se atribuía a dor à somatização de possíveis problemas psicológicos. Hoje, se sabe que a fibromialgia é uma doença relacionada com o funcionamento do sistema nervoso central e o mecanismo de supressão da dor. Além da dor, ela provoca outros sintomas como fadiga, falta de disposição e alterações do sono.