Como fenômeno social complexo, os atuais movimentos sociais intrigam analistas que aspirem as interpretações definitivas, haja vista que a velocidade vertiginosa dos acontecimentos impede inferências sobre as tendências futuras. De todo modo, é intrigante refletir sobre os constrangimentos e as perspectivas abertas pela dinâmica dos movimentos neste tempo de redes sociais ativas. Com base nas manifestações ocorridas no Brasil em 2013, leias as afirmações a seguir a assinale a alternativa INCORRETA.

1

Respostas

2013-11-21T17:19:05-02:00
Este é o tempo em que vivemos a revolução do sujeito plural, este que rejeita o individualismo da subjetividade, tal como quer o capitalismo com suas perversidades. Trata-se de um sujeito que abre mão dos seus desejos e renuncia a conquista de seus objetivos. O sujeito plural vai à rua para manifestar o desejo de outras pessoas e não o seu próprio.
5 5 5