A particula káon, eletricamente neutra, é constituída por duas partículas eletricamente carregadas: um quark d e um quark s.

a carga do quark d é igual a -1/3 do módulo da carga do elétron, e a carga do quark s tem mesmo módulo e sinal contrário ao da carga de um antiquark s.

ao quark s é atribuída uma propriedade denominada estranheza, a qual pode ser calculada pela seguinte formula

S=2Q-1/3

S- estranheza

Q- razão entre a carga do quark s e o módulo da carga do elétron

assim, o valor da estranheza de um quark s é igual a:

a) 1/3 b) 1 c) -1/3 d) -1

1

Respostas

2013-04-14T16:28:25-03:00

Amiguinha, nao é tao difícil como se apresenta, veja bem: a questão nos fala que a partícula kauon está eletricamente neutra e que ela é constituida por sub particulas, isso significa que quark s + quark d = 0.

a questão tbm nos fala sobre um anti quark s, se encontrarmos o valor do quark s e trocarmos o sinal dele, encontraremos o bendito do antiquark s, ok?

 

 

sabendo disso vamos à diversao: 

 

 

S = 2 Q - 1/3

 mas Q é a razao entr o quark s pelo modulo do valor do eletron, (vou chamar de ''E'').

 

 

o quark d vale = - 1/3 do valor do eletron, ou seja,- 1/3 E

logo, para neutralizar a particula o quark s vale 1/3 E.

como queremos o antiquark s, é só pegarmos o o valor do quark s e trocar o sinal. assim: o antiquark s vale -1/3

 

vamos primeiramente calcular o Q.

Q= antiquark s / E

Q = -1/3E / E. (note que tem um E em cima e outro em baixo, logo podemos cortar)

Q = -1/3

 

vamos trabalhar com a formula por inteira agora:

 

S = 2Q - 1/3

S = 2 ( -1/3) - 1/3

S = -2/3 - 1/3 (somando as frações)

 

 

 

 

S = -3/3 que dividindo é igual a -1

resposta letra D

 

2 5 2