Respostas

2013-12-03T14:05:07-02:00

Esta é uma Resposta Verificada

×
As Respostas verificadas contém informações confiáveis, garantidas por um time de especialistas escolhido a dedo. O Brainly tem milhões de respostas de alta qualidade, todas cuidadosamente moderadas pela nossa comunidade de membros, e respostas verificadas são as melhores de todas.
Dei uma pesquisada e acredito que posso te ajudar. 

Os romanos tinham certa tolerância a determinadas religiões.
Diferentes religiões não teriam problema caso não apresentasse perigo. 
A religião deveria ser aprovada formalmente pelo senado que possuía posição central na dinâmica da religião. 
Diz-se que muitos cultos, festivais..foram feitos em roma de religiões diferente da deles porém elas eram aprovadas pelo Senado Romano (como "não perigosas")

Porque os cristãos? 
os cristãos rejeitavam a escravidão e adoração ao imperador. Eles louvavam outro "rei" que no caso seria Jesus. na igreja os cristãos não tinham preconceito com escravos nem pessoas ricas ou pobres, eram todos iguais. Um negro por exemplo, podia se tornar o líder da igreja. O que para o Senado romano era um absurdo e consideravam os cristãos como revolucionários.
Portanto o Senado proibiu a religião. Então eles faziam os cultos escondidos, antes do nascer do sol ou a noite, normalmente em cavernas ou nas catacumbas subterrâneas.


Espero ter ajudado! Se precisar de mais informações mande-me uma mensagem. 

:) 
 
2013-12-03T15:01:05-02:00

Esta é uma Resposta Verificada

×
As Respostas verificadas contém informações confiáveis, garantidas por um time de especialistas escolhido a dedo. O Brainly tem milhões de respostas de alta qualidade, todas cuidadosamente moderadas pela nossa comunidade de membros, e respostas verificadas são as melhores de todas.
Para eles o Imperador era praticamente visto como um deus, e os romanos (principalmente para o Imperador), ouviam dizer sobre "O Rei dos Judeus" (Jesus), o qual os cristãos seguiam, então o Imperador via Jesus como uma ameaça, e achava que era inadmissível as pessoas seguirem outro "Rei".