(UFSC) Dadas as seguintes equações:
C(s) → C(g) Δ H_{1} = 171 kcal/mol

H_{2}(g) → 2H(g) ΔH_{2} = 104,2 kcal/mol
CH_{4}(g) → C(g) + 4H(g) ΔH_{3} = 395,2 kcal/mol

Calcule a entalpia para a reação:
CH_{4}(g) → C(s) + 2H_{2} (g)

Arredonde o resultado para o inteiro mais próximo e marque este número.
a) 120 kcal
b) 358 kcal
c) 16 kcal
d) - 120 kcal
e) - 16 kcal

1

Respostas

A melhor resposta!
2013-12-19T11:57:59-02:00
C(s) → C(g) Δ = 171 kcal/mol(g) → 2H(g) Δ = 104,2 kcal/mol
C(g) → C(g) + 4H(g) Δ = 395,2 kcal/mol

Olha só:
a equação final é 
C(g) → C(s) + 2 (g)

então tem que somar:
C(s) → C(g) Δ = 171 kcal/mol
CH4(g) → C(g) + 4H(g) Δ = 395,2 kcal/mol
H2(g) → 2H(g) Δ = 104,2 kcal/mol

Mas para chegar no resultado final, terá que inverter algumas, afin de dar os produtos desejados:
C(g) → C(g) + 4H(g) Δ = 395,2 kcal/mol
C(g) →C(s) Δ = - 171 kcal/mol
4H(g) → 2(g)  Δ = - 2x104,2 kcal/mol
******** Multipliquei a última por 2, se você ver a reação final, onde um dos produtos é 2H2, vai entender o porquê(ele não pode fabricar H2 de onde não tem)
Fica:
C(g) + C(g) + 4H(g) =  C(g) + 4H(g) + C(s) + 2
Eu coloquei o = pra você notar melhor. Em matemática, números(ou símbolos, incógnitas, etc) iguais, inclusive no sinal, e de lado oposto, se cancelam. Afinal, se entra C(s) e sai C(s), o C(s) não reagiu nem virou produto, teoricamente e para todos os efeitos é assim que funciona.Os 4H da reação do CH4 vão virar 2H2 e por isso a reação foi somadas. Se você notar há muita lógica.(Outro modo seria substituir o 4H por 2H2, mas você teria que incluir diretamente o valor do delta p/ não errar no final.)

C(g)  = C(s) + 2  ΔH4(não confundir com o 4H(g) = 395,2 - 171 - (2x104,2)
ΔH4 = 15,8 Kcal/mol

********* Por algum motivo estranho eu não consigo completar as 1ªsd equações, acho que é erro do site). Toda vida que mudo volto ao ponto zero. Mas pelo delta dá pra saber quem é quem.
3 5 3