Respostas

2014-01-06T16:21:26-02:00

Esta é uma Resposta Verificada

×
As Respostas verificadas contém informações confiáveis, garantidas por um time de especialistas escolhido a dedo. O Brainly tem milhões de respostas de alta qualidade, todas cuidadosamente moderadas pela nossa comunidade de membros, e respostas verificadas são as melhores de todas.
De modo geral pode-se dizer que as vantagens seriam:
- Para o rei: Aumentar territorialmente o reino e obter metais através da exploração colonial e coleta de impostos
- Para a burguesia: Obter lucros comerciais
- Para a Igreja: Expandir a fé cristã
- Para a nobreza: Alcançar glória militar/naval
7 4 7
2014-01-06T19:22:16-02:00

Esta é uma Resposta Verificada

×
As Respostas verificadas contém informações confiáveis, garantidas por um time de especialistas escolhido a dedo. O Brainly tem milhões de respostas de alta qualidade, todas cuidadosamente moderadas pela nossa comunidade de membros, e respostas verificadas são as melhores de todas.
Cara Débora,

As grandes navegações foram empreendimentos extremamente caros, complicados, que exigiram grande organização, empenho, desenvolvimento técnico, dentre outros fatores.  Seria equivalente a irmos a Marte na atualidade. Vê-se, assim, ser necessário uma forte conexão entre poder, religião e economia para atingir esse objetivo.

Nesse sentido, analisemos o papel e a importância dos integrantes dos diferentes grupos sociais de Portugal à época:

a) Para a família real de Portugal: aumentar o território do país, enriquecer com o dinheiro obtido através dos impostos cobrados, fortalecer e diminuir os conflitos internos por meio de ganhos externos;

b) Para os comerciantes (burguesia) : a principal razão das grandes navegações eram os lucros astronômicos obtido com a venda das especiarias, que chegavam a gerar mais de 6.000% de lucro, compensando o investimento e o risco das grandes navegações;

c) Para a Igreja: expandir a fé cristã e obter mais dinheiro, através angariadas através das doações;

d) Para a nobreza (descendentes dos antigos senhores feudais): a corte real (que não faziam nada) estava interessada em receber os recursos de impostos e outras fontes, pois dependiam desse dinheiro; os nobres menos privilegiados (que não recebiam rendas do governo) desejavam obter dinheiro ao trabalharem na administração e nos empreendimentos das grandes navegações.

e) Para os ciganos, os camponeses, os cristãos-novos, e outras pessoas de menos posses: as grandes navegações representavam a oportunidade de enriquecer, seja através do trabalho nos navios, seja através da colonização dos territórios em si, por meio das oportunidades econômicas abertas.
4 5 4
Pedro Álvares Cabral, por exemplo, era um nobre.