Respostas

2014-02-09T14:54:15-02:00

Esta é uma Resposta Verificada

×
As Respostas verificadas contém informações confiáveis, garantidas por um time de especialistas escolhido a dedo. O Brainly tem milhões de respostas de alta qualidade, todas cuidadosamente moderadas pela nossa comunidade de membros, e respostas verificadas são as melhores de todas.
Cara Isabel,

O termo cristão-novo era o nome dado aos judeus e muçulmanos (os chamados "mouros") que se converteram ao cristianismo. Em 1492, por exemplo, 60 mil judeus foram expulsos da Espanha e recebidos em Portugal. Em 1497, Portugal determina a expulsão de todos os judeus, mas o rei Dom Manuel, para não perder a quantidade de pessoas e o dinheiro desse pessoal todo, determina a conversão forçada de muçulmanos e judeus ao cristianismo.

Mesmo assim, nos anos seguintes, os cristãos-novos foram perseguidos, torturados, e assassinados em muitas ocasiões. Com a Inquisição de 1536, nunca mais houve paz aos cristão-novos, que fugiram, clandestinamente, para a Holanda, a Itália, o Brasil, a África, dentre outros locais. Ainda assim, a maior parte das vítimas e réus dos processos da Inquisição eram cristãos-novos.

Apenas em 1773, houve o fim da distinção entre cristão-novos e velhos (os que eram, tradicionalmente, católicos).

Nesse sentido, posso afirmar que os cristãos-novos estão em quase todos os lugares do mundo, através de seus descendentes que, muito provavelmente, não conhecem o passado de alguns de seus ancestrais. Ou seja, o termo já não representa nenhum grupo social especial e sua pergunta não faz mais sentido na atualidade.
2 5 2