Respostas

2014-02-13T21:27:04-02:00

A teoria de Oparin-Haldane é baseada nas condições físicas e químicas que existiam nos primórdios da Terra e que permitiu o desenvolvimento de vida.
Segundo esta teoria, na Terra primitiva existiam certas condições de temperatura e radiação do sol, afetando substâncias que então existiam nos oceanos primitivos. Estas substâncias são combinadas em uma maneira que deu origem aos seres vivos.
Em 1924, o bioquímico Alexandre I. Oparin publicou "A Origem da Vida", um trabalho em que sugerem que recém-formada Terra e ainda não tinha aparecido quando os primeiros organismos, a atmosfera era muito diferente do de hoje, de acordo com Oparin, a atmosfera eta início faltava oxigênio livre, mas tinha substâncias tais como hidrogênio, metano e amônia. Estes reagem uns com os outros tipos de radiação de energia devido a solar, a atividade elétrica da atmosfera e dos vulcões, que deu origem ao primeiros seres vivos.
Em 1928, John BSHaldane, biólogo Inglês, proposto de forma independente por uma explicação muito semelhante à Oparin. Tais teorias, influenciaram significativamente em todos os cientistas envolvidos com o problema da origem da vida.
1 5 1
A melhor resposta!
2014-02-13T21:30:00-02:00
Em 1950, dois pesquisadores da Universidade de Chicago, Stanley Miller e Harold Urey, desenvolveram um aparelho em que simularam as condições supostas para a Terra primitiva. Com sucesso, obtiveram resultados que confirmaram a hipótese de Oparin. Inicialmente, obtiveram com o seu experimento pequenas moléculas que, com o passar do tempo, se combinaram formando moléculas mais complexas, inclusive os aminoácidos glicina e alanina. Posteriormente, novas pesquisas obtiveram outros aminoácidos e vários compostos de carbono. Os protobiontes de Oparin receberam diferentes nomes dados pelos cientistas, dependendo de seu conteúdo: microsferas, protocélulas, micelas, lipossomos e coacervados. Estes possuem uma “membrana” dupla, formada por duas camadas lipídicas, à semelhança das membranas celulares.


1 5 1