Respostas

2014-02-27T20:09:21-03:00
Esse alimento e rico em proteinas
A melhor resposta!
2014-02-27T21:13:00-03:00
- No iogurte, a lactose (açúcar característico do leite) já foi fermentada pelas bactérias e, por isso, indivíduos com intolerância à lactose podem consumir iogurtes sem que este lhes cause desconforto ou transtornos gastrointestinais. Assim, surge como uma boa alternativa a quem não gosta ou não tolera leite;

- O iogurte, principalmente se não for açucarado, é um alimento com elevado valor nutricional;

- A sua composição nutricional é muito semelhante à do leite, e contém: moderada densidade energética (reduzida ou moderada quantidade de calorias fornecida por 100g de alimento), proteínas de elevado valor biológico, vitaminas (especialmente, riboflavina e vitamina B12), minerais e gordura de composição semelhante à do leite em quantidade variada;

- A flora bacteriana abundante e ativa existente no iogurte confere-lhe outros benefícios, incluindo: melhoria de digestão, estimulação da flora intestinal, reforço da resistência natural a doenças infecciosas do trato gastrointestinal, e regulação do trânsito intestinal;

- O iogurte natural não açucarado é uma base ideal para temperos de saladas. Misturando pimenta, algumas ervas aromáticas (salsa, cominhos, orégano, entre outras) ou alho picado no iogurte, este pode ser utilizado em substituição de maionese ou outros molhos ricos em gorduras;

- O iogurte natural não açucarado magro pode também substituir as natas em algumas preparações culinárias, conferindo textura e sabor às mesmas, mas com menor quantidade de calorias e gordura;

- O iogurte natural, aromatizado ou com frutas pode também ser utilizado em sobremesas (bolos, tartes, mousses, misturado com gelatinas, etc.), conferindo-lhes um valor nutricional mais vantajoso;

- Os iogurtes probióticos estimulam a atividade da flora intestinal potenciando, deste modo, o papel que esta desempenha na manutenção da integridade da parede e atividade intestinal, na prevenção de disfunções imunológicas, na regulação do trânsito intestinal e na prevenção de infecções gastrointestinais.
1 5 1