Respostas

2014-03-03T16:58:04-03:00
 Egito Antigo existiam os seguintes grupos sociais: Faraó, Sacerdotes, Militares, Escribas, Artesãos, Comerciantes, Camponeses e Escravos.No topo da pirâmide social estavam o faraó e sua família seguidos do vizir, cargo mais importante, dos sacerdotes e dos escribas.

As decisões administrativas, jurídicas e financeiras ficavam a cargo do vizir, pessoa mais próxima do faraó.

Aos sacerdotes, classe social privilegiada, cabiam os serviços religiosos.

Os escribas ,destacando-se pelo conhecimento da escrita e da leitura, ocupavam cargos mais importantes no reino.

Após a expulsão dos hicsos e com a expansão do império houve fortalecimento do exército. 

Faziam parte ainda da sociedade egípcia os artesãos, comerciantes, camponeses e escravos.

A maior parte da população, constituída por camponeses, eram obrigados a trabalhar nas terras dos faraós e sacerdotes, como também, realizar trabalhos compulsórios em obras públicas. Viviam precariamente, uma vez que, entregavam parte da produção como pagamento de impostos.

Os escravos, número reduzido na sociedade, eram prisioneiros de guerra. Trabalhavam nas minas, nas pedreiras, na construção de pirâmides e serviam o exército.
2014-03-03T17:08:58-03:00
Grande parte da população egipcia era constituída por camponeses e artesãos, que trabalham nos pilares da economia do antigo egito, a agricultura, o comercio, e impostos. Eram também os camponeses, junto aos escravos de guerra, quem trabalhavam em obras publicas.
2 5 2