Respostas

A melhor resposta!
2014-03-12T10:28:32-03:00
Mudanças devem ser feitas de dentro para fora

Apesar do considerável progresso econômico e social do Brasil, na última década, o país ainda não possui suporte para realização de eventos esportivos de proporções mundiais, como, por exemplo, a Copa do Mundo. Problemas internos como a violência e até mesmo a seca no Nordeste, são tratados de forma indiferente pelo Governo quando deveriam ser priorizados. 
Sabe-se que para o sucesso de qualquer construção, seja ela de conhecimento ou até mesmo de um edifício, é indispensável uma base bem estruturada. No Brasil, país o qual sediará a Copa do Mundo neste ano de 2014, a seleção que já foi penta corre o risco de não participar sequer das semi-finais do campeonato. Um time apagado cujos jogadores grande parcela dos brasileiros desconhece, exceto Neymar. Além de tudo, no ritmo em que as obras estão sendo realizadas nada estará pronto a tempo. 
Enquanto são investidos bilhões de reais para construções de campos de futebol que não se concretizam, na maioria das escolas brasileiras, não há incentivo ao esporte, principalmente, nas de ensino público. Uma séria consequência disso é o sedentarismo que acarreta problemas como a obesidade entre as crianças e os jovens brasileiros. Já, no Nordeste do país, quando a seca castiga animais morrem e as plantações viram lenda,  mas nenhuma atitude política é tomada para resolver isso. 
Em síntese, é interessante que o Governo brasileiro, sobretudo, procure resolver os problemas internos antes de se preocupar em sediar qualquer evento internacional. É desumano a precariedade em serviços públicos tais como saúde, educação, transporte e segurança. Afinal, como acolher visitas em nossa casa se não acolhemos bem nossos familiares? 

Espero que ajude! ;) 
2 5 2