×

A instituição da escravidão tem associação com diversas formas de exploração dos povos africanos. A violência de retirar a pessoa de seu espaço e

transportá-la em condições desumana para vendê-la como objeto deixou marcas profundas na história do Brasil. Embora subjugados, sob maus tratos, desconhecendo as condições do solo que os acolhia compulsoriamente os africanos desenvolveram diferentes formas de resistência. Dentre as formas de resistência estão: as fugas, suicídios, assassinatos e organização de comboios de retorno ao continente africano; as fugas constantes e constituição de núcleos de resistências denominados quilombos;
a negação ao trabalho, com organização de movimentos de reivindicação de condições dignas de trabalho;
a associação com as tribos locais para invasão, destruição e expulsão dos colonizadores; a conversão ao catolicismo como forma de fugir ao escravismo nas missões religiosas.

as fugas constantes e constituição de núcleos de resistências denominados quilombos!!!! Letra B pattytdk
Peça mais detalhes ao usuário Edineiasandra

Respostas Sair


Quilombos foram aldeias, que refugiavam os escravos que fugiam das fazendas e casas de família. Os escravos iam para os quilombos para não serem encontrados, pois onde eles viviam eram sempre explorados e sofriam maus tratos. Os quilombos eram aldeias que ficavam escondidas nas matas, em lugares preferencialmente inacessíveis, como o alto das montanhas e grutas, e era onde então os escravos se reuniam e conseguiam levar uma vida livre. As pequenas aldeias eram também chamadas mocambos,  tanto eles como os quilombos duraram todo o período da escravidão no Brasil.
"As fugas constantes e constituição de núcleos de resistências denominados quilombos;
"

Não está muito seguro sobre a resposta?

Mais respostas

Ajuda gratuita
com as lições de casa!

Tem problema com sua lição de casa?
Peça ajuda gratuita!

80% das perguntas são respondidas dentro de 10 minutos

Não apenas respondemos - nós explicamos!

A qualidade é garantida pelos nossos especialistas

Você não encontrou o que estava à procura?

Fazer pergunta