Respostas

2014-03-13T20:59:33-03:00
1-Pelo que eu sei foi a Africa e a Asia. Aquela miseria que está tendo lá na Africa foi por causa disso.
2- 
Causas e início da Revolução russa
Em 1917 aconteceu a Revolução de Fevereiro, que tinha como objetivo tirar do poder o Czar Nicolau II e tentar estabelecer uma república popular, de cunho liberal, que trouxesse uma nova perspectiva da vida ao povo Russo. A população não aguentava mais viver em uma situação de descaso, onde os investimentos industriais eram concentrados em centros urbanos submetendo as pessoas as jornadas de 12 a 16 horas diárias de trabalho, sem receber alimentação, sujeito a doenças, trabalhando em locais imundos sem nenhuma condição de higiene. Quanto mais acontecia esse tipo de exploração mais as ideias socialistas afloravam.Essa revolução fez com que o Czar abdicasse de seu trono, dando o poder a um governo provisório, que tinha no comando o príncipe Georgy Lvov.Sem mudar muita coisa na realidade da Rússia, o governo provisório não agradou a população. Na madrugada do dia 25 de outubro os bolcheviques, que tinha como líder Lênin, Zinoviev e Radeck, seguidos por socialistas revolucionários e elementos anarquistas, seguiram até a sede do Governo Provisório e o invadiram. Mesmo com a capital cercada Kerenski conseguiu fugir,  e muitos outros membros do governo foram presos.ConsequênciasDesta forma, o Partido Bolchevique derrubou o governo provisório e impôs o governo socialista soviético, que acreditavam ser a melhor forma de governo existente.Ao assumir, um dos primeiros atos de Lênin foi a retirada de seu país da Primeira Guerra Mundial, no ano de 1918, e a instalação do Partido Comunista.  Ele também implantou a União das Repúblicas Socialistas Soviéticas, URSS, que tornou-se uma das maiores potências econômicas e militares do globo.No que se diz respeito a democracia, não houve muitas mudanças, pois o Partido Comunista reprimia toda e qualquer manifestação que era considerada contra os princípios socialistas.3-Stalinismo  ou estalinismo designa o período em que o poder político na antiga União Soviética foi exercido por Josef Stalin. O stalinismo não chega a ser uma "teoria", uma vez que sequer articula de forma sistemática ou original determinados conceitos ou princípios. O termo "stalinismo", na maioria das vezes, designa essencialmente o domínio absoluto de uma dada liderança, a qual dispõe de meios por intermédio dos quais estabelece como "verdade" a sua interpretação particular do Marxismo, do qual se arvora a condição de único e legítimo intérprete.