Respostas

2014-03-25T11:08:26-03:00
Primeiro em uma sala de aula você tem uma diversidade muito grande de alunos, isto é são diferentes uns dos outros, falo tanto do meio social, cultural e educacional.
O aluno não é uma tábua rasa, não se pode obrigá-lo a falar de um jeito específico há de se respeitar seu jeito de falar, se é nordestino vai ter um sotaque, se é carioca falara de outro e assim por diante.
Na escola deve se primar em oferecer ao aluno todo tipo de conhecimento linguístico, e falar das normas cultas da língua. Sem porém incentivar desvios. Quanto mais informações ele tiver, mais opções de escolhar para melhorar se for o caso sua linguagem ele terá.
Espero ter ajudado.
Não o professor não pode se adaptar ao nível de linguagem do aluno pois o objetivo da escola é justamente oferecer ao estudante a possibilidade de adquirir novos dialetos e praticar outros níveis de linguagem diferentes do seu .
concordo O professor, ao trabalhar com crianças do ensino fundamental, deve optar por uma fala difícil, mesmo que este nível de linguagem seja muito diferente do utilizado por seus alunos;
Não se trata de adaptação, a linguagem do aluno. Sim respeito a sua identidade cultural. Quando falei em não incentivar desvios, falei justamente de: mostrar o uso inadequado da línguagem, evitando gírias e uso continuo de exageros. O objetivo da escola e promover crescimento, desenvolvimento das habilidades já existentes no aluno. Quanto ao uso da língua culta precisa e deve ser incentivada´, deve ser levada a conhecer e entender o porque de certos usos.
A escola deve sim promover e incentivar a descoberta de novos saberes, colocando a disposição do aluno toda possibilidade de outras línguas se for do interesse dele. Deve saber da existência dessas línguas e seus possíveis dialetos./ Dialetos: são variações linguísticas, dentro de uma mesma língua. O professor sim deve estar bem amparado e "grávido" de ensinamentos, e conhecer a norma culta da língua fazendo uso constante dela diante da classe.
2014-03-25T13:13:56-03:00
A escola é o local onde a diversidade de valores, de cultura e de saberes se unem e se integraliza, onde cada um, não aprende só com o professor, mas também com os próprios colegas.
O professor é apenas um intermediador do conhecimento e do saber, onde mostrará o caminho da língua culta, mas não a imposição desta, pois se deve respeitar a pessoa humana do aluno. 
1 1 1