Respostas

2014-03-28T00:25:30-03:00
Pergunta estratégica e de difícil resposta.A meu parecer, Constantino permitiu que o cristianismo experimentass, no século IV, sua primeira grande transição.A partir de sua oficialização como religião do estado, a fé deixou de ser um credo clandestino, uma religião de escravos e de gentios, terminando a era das missas em catacumbas, dos catecúmenos e diminiram-se as perseguições.Na outra parte do Império as mesmas continuaram pois Constantino só imperava na parte oriental do Império Romano.Pesquise quem era o Imperador do Ocidente na mesma época.Após o Edito de Caracala, este sim imperador ocidental, oficializou-se a religião cristã em todo o Império.Houve uma grande onda de secularização da igreja com episcopados que permitiram a expansão patrimonial e uma mais célere expansão e proselitismo.A meu ver foi uma fase indispensável para que a igreja não fosse aniquilada.Nesta fase de organização institucional, nasce a Igreja Católica, ou universal:In ogne signo vinces é o emblema da Ponte Mílvia.
20 3 20