Respostas

2014-03-28T17:47:40-03:00
O renascimento urbano comercial, melhor dizendo, é resultado de um montante de de fatores. As cruzadas foram os principais. Essas guerras, denominadas de santas pela igreja cristã católica e com o intuito oficial de recuperar a terra sagrada (Jerusalém) dos árabes, também acabou por reabrir rotas terrestres e marinhas (pelo mar mediterrâneo), rotas essas que faziam um trajeto comercial, isso impulsionou a ida de comerciantes que entraram em contato com o desenvolvimento científico, artístico e comercial árabe, trazendo para o ocidente novos produtos e costumes. Porém, para essas viagens acontecerem, eram necessárias paradas estratégicas para o reabastecimento, descanso e até vendas, assim surgiram cidades em torno de pequenas hospedarias denominadas de Burgos, por isso quem ali dormia era chamado de burguês que na maioria das vezes era o comerciante, isso deu o nome a nova classe formada por esses comerciantes, a burguesia. As feiras também ficavam em pontos estratégicos, lembrando que o sistema feudal ainda existia e que os feudos não eram próximos uns dos outros, as feiras foram uma necessidade da falência de tal sistema, não conseguindo mais ser autônomo, os feudos não mais produziam tudo o precisavam, muitos servos fugiram com medo da peste, ou até foram liberados por falta de proteção, dever do senhor feudal, assim, as feiras ficavam em locais de encontros dos feudos, as vezes próximas as pequenas vilas ou até mesmo desenvolvendo uma cidade ao seu redor, pois teria de oferecer proteção, lazer, hospedagem e alimentação para quem vinha de longe comprar ou trocar nas feiras, e muitas feiras surgiram também nos entrepostos de rotas comerciais
2 3 2