Respostas

2014-04-01T13:56:28-03:00
Um dos reis famosos foi "PaKal", ou K'inich J'anaab Pakal.


Uma importante cidade maia, que terá tido o seu apogeu entre os anos 600 e 900 da nossa era, foi descoberta no leste do México por um grupo internacional de arqueólogos.

Estendendo-se por 22 hectares no estado mexicano de Campeche, a cidade esteve escondida na floresta durante séculos até ser descoberta há duas semanas por uma equipa que a batizou como Chactun, “Pedra Vermelha” ou “Pedra Grande” em maia.

“Trata-se de um dos maiores locais das terras baixas centrais da civilização maia", disse Ivan Sprajc, arqueólogo do Centro de Investigação Científica da Academia eslovena das Ciências e das Artes, que dirigiu a expedição.

Sprajc adiantou que a descoberta foi possível através de fotografias aéreas e da técnica da estereoscopia. Esta cidade descoberta é contemporânea de outras cidades maias como Calakmul, Becan e El Palmar.

“São estelas (colunas) e altares – alguns dos quais conservam restos de estuque – que melhor refletem o esplendor da cidade”.

O local tem numerosas construções de tipo piramidal com até 23 metros de altura, assim como terrenos de jogo, praças, monumentos e zonas de habitação.

O sítio de Chactun é um dos cerca de 80 locais detetados pelo Projeto de Reconhecimento arqueológico do sudeste do México, lançado em 1996.


Saiba mais: Palenque: Cidade Maia de Templos
Cidade medieval perdida com 1200 anos descoberta no Camboja
Túmulo Maia pode ter pertencido a princesa guerreira