Pela membrana plasmática ocorrem trocas metabólicas envolvendo os meios intra e extracelulares. Há especificidade nestas trocas, a qual é dependente da estrutura molecular desta membrana. A passagem de anestésicos e de íons ocorre, respectivamente, por qual parte da membrana e por que tipo de processo fisiológico

1

Respostas

2013-05-28T15:29:58-03:00

A membrana plasmática, membrana celular ou plasmalema1 é a estrutura que delimita todas as células vivas, tanto as procarióticas como as eucarióticas.2 Ela estabelece a fronteira entre o meio intracelular, o citoplasma, e o ambiente extracelular, que pode ser a matriz dos diversos tecidos.3

Aparece em eletromicrografias como duas linhas escuras separadas por uma faixa central clara, com uma espessura de 6 a 10 nm. Esta estrutura trilaminar encontra-se em todas as membranas encontradas nas células, sendo por isso chamada de unidade de membrana ou membrana unitária.

A membrana celular não é estanque, mas uma “porta” seletiva que a célula utiliza para captar os elementos do meio exterior que lhe são necessários para o seu metabolismo e para libertar as substâncias que a célula produz e que devem ser enviadas para o exterior (sejam elas produtos de excreção, das quais deve se libertar, ou secreções que a célula utiliza para várias funções relacionadas com o meio).

 

1 5 1