Respostas

2014-04-03T16:04:01-03:00
"O homem é a medida de todas as coisas." (Protágoras), esse pensamento representa o rompimento com o período anterior representado pela Escolástica medieval para um contexto de humanismo. Onde o homem é um ser pensante que pode mudar a ordem das coisas.
Neste período cai a supremacia dos dogmas da Igreja e renasce o homem em sua capacidade de pensar, de ser alguém para mudar o ordem anterior. Nem dever à Igreja e nem aos senhores feudais. 
Portanto, esse período marca a contraposição entre o ANTROPOCENTRISMO (o homem no centro) x TEOCENTRISMO (a Igreja no centro)
20 4 20