Respostas

2014-04-03T18:33:23-03:00
As mentiras que os homens contam de veríssimo
2014-04-03T18:33:41-03:00
A MENTIRA TEM PERNAS CURTAS
Crônica de:
Flávio Cavalcante


Uma mudança radical na vida de qualquer uma pessoa depois que desmorona toda uma base que era sólida de uma confiança. A pessoa que mente não consegue encarar a outrem, pois, ela acredita na sua própria farsa, mas, tem a nítida convicção que de o outrem já percebera que tudo não passa de uma fantasia.

A mania da mentira afeta toda uma estrutura num relacionamento. O maior motivo de separação de casais nos atualmente é por causa deste vilão, que quando entra pela porta da frente, vem carregando a foice da morte, destruindo o que encontra pela frente. Até na vida pessoal se torna uma agressão a si próprio. A pessoa que carrega esse vício acaba acreditando na estória que inventa. Isso vai virando gradativamente um espécime de psicose e a vida dessa pessoa passa a ser um mundo de fantasias que só ela mesma acredita.

Existem pessoas que não conseguem parar de mentir. O ruim de tudo isto é que quando se vai falar uma verdade ás pessoas deixam de acreditar, pensando ser mais uma mentira. Pessoas assim não ganham credibilidade em lugar algum.

Há tratamento pra este tipo de doença; mas não basta a pessoa ter o problema, tem que querer ser ajudada. Coisa difícil de convencer que ela está doente e precisa urgentemente de um médico.

O mentiroso quando conta a mesma história várias vezes acaba em uma hora se contradizendo e todos acabam descobrindo que tudo é ficção de sua mente.

Quando acontece com muita freqüenta no começo da formação de uma criança, aí o perigo é dobrado e redobrado.  Os pais têm que estar muito atentos para este tipo de façanhas de seus filhos. A mentira tem pernas curtas; mas, nestes casos muitas vezes podem ser amargamente prejudicial e uma mentira contada por uma criança pode refletir numa injustiça eterna, sem ao menos a vítima poder ter direito á defesa.

Assisti várias palestras á respeito deste assunto muito delicado. Reportagens de pai, indignado por ter sido preso por pedofilia por causa de uma estória que a sua filhinha falou e depois descoberto que tudo não passou de uma invenção da criança. É de fato um problema que tem que ser visto como doença e a pessoa portadora precisa de tratamento.

No caso dos adultos, as maiorias são dos tipos de pessoas que carregam uma insegurança grandiosa e por causa dessa baixa estima acaba entrando num mundo de fantasias, contado certas vantagens que não acontece na realidade de sua vida no dia a dia, só para estar no mesmo nível social ou moral da pessoa que está do seu lado com expectador; pois acham, que se falarem á verdade, a sociedade vai condenar e a pessoa vai ser exonerada de qualquer grupo.

Com as crianças acontece naturalmente pela própria inocência. Acreditam alguns pediatras que por causa da pouca idade elas arrumam uma forma de chamar a atenção dos país.

Mentir nunca foi um ato benéfico pra ninguém; mas como toda regra tem a sua exceção, existe caso que uma mentira chega na hora certa e no momento certo, para resolver uma determinada ocasião especial. Mesmo assim, se persistir na façanha, essa mentira também vai passar a ter a perna curta e tudo que é verdade que está ás escondidas dentro de um baú fechado á sete chaves começa a aparecer e a ignomínia é estampada e apresentada, apertando ás mãos e derrubando o véu da falta de vergonha e o respeito pela pessoa atingida.


- FIM -