Respostas

2014-04-12T10:57:54-03:00
Tendo a seguinte função;
f(x) = 2 (x+3)^{2} - 5 \\ f(x) = 2( x^{2} +6x+9) -5 \\ f(x) = 2x^{2} +12x+18-5 \\ f(x) = 2x^{2} +12x+13

O eixo de simetria, pode ser encontrada usando o x do vértice, logo:
 x_{v} =  \frac{-b}{2a}

Na função anterior, temos:
a = 2 \\ 
b = 12 \\ 
c = 13 \\

Calculamos então o  x_{v} :
 x_{v} =  \frac{-12}{2.2}  \\  x_{v} =  \frac{-12}{4} \\ x_{v} =  -3

Assim o eixo de simetria é onde x = -3
1 2 1
seja f(x)=2(x+3)²-5. qual é o v´rtice de f
seja f(x)=2(x+3)²-5. qual é o vértice de f
Eu não entendi de onde veio o 6x?
Ah sim! foi aplicada a distributiva.
Eu refiz a questão e realmente aquele 6x, não tem com entrar na função. alguém me ajudaria?