Respostas

2014-04-28T13:04:41-03:00
Após a derrota assíria, a Babilônia voltou a ser a cidade mais importante da Mesopotâmia. O império seria novamente reconstruído e viveria um novo apogeu sob o governo de Nabucodonosor II ( século 6 a.c.). durante seu reinado (604 - 562 a.c.), Nabucodonosor II empreendeu várias campanha militares que lhe renderam muita riqueza. Uma subelevação do Reino de Judá obrigou-o a manter uma guerra que durou de 598 a 587 a.c., ano em que destruiu Jerusalém e deportou milhares de judeus (o ''cativeiro da Babilônia'', mencionado no Antigo Testamento). As riquezas provenientes da expansão territorial permitiram a realização de obras grandiosas como templos, jardins suspensos e grandes palácios. Com a morte do imperador, as lutas internas enfraqueceram a região, que acabou sendo ocupada pelos persas em 539 a.c.