Respostas

A melhor resposta!
2014-04-29T00:03:23-03:00
Vou tentar explicar: é o tempo que demora pro sensor 2 detectar a roda passando depois que ela passou no sensor 1. Você vê isso no gráfico que eles dão. Existem duas linhas, uma de cada sensor, com duas perturbações cada, o que equivale à roda da frente e de trás do carro passando em cada um dos sensores. Veja que na primeira linha do gráfico está representado o sensor 1. No tempo zero, aparece uma alteração, mostrando que a roda da frente pressionou o sensor. No mesmo sensor, a roda de trás passou no tempo 0,15, segunda alteração. Na linha do sensor 2, a primeira alteração aparece no tempo 0,1, o que corresponde às rodas da frente, depois no tempo 0,25, rodas de trás. Então assim: a roda da frente passou em t=0 no sensor 1, percorre 2m de delta S, e passa no sensor 2 em t=0,1. Delta t 0,1. A roda de trás passa no sensor 1 em t=0,15 e depois no sensor 2 em t=0,25. Delta t 0,1. O 0,15 é a variação de tempo entre as passagens das rodas da frente e de trás no mesmo sensor. Só daria pra usar ele se tivéssemos a distância entre eixos do carro, que poderia ser usado como delta S. Pra usar o delta S fornecido, precisamos do tempo entre as passagens da mesma roda nos dois sensores, que é o 0,1.
1 5 1
Brigadaaa!!! Ajudou demais! Valeu!
imagina, de nada!