Leia a seguir um fragmento do Manifesto de 1932, que trata da relação do Estado com a Educação.


“ Mas, do direito de cada indivíduo à sua educação integral, decorre
logicamente para o Estado que o reconhece e o proclama, o dever de
considerar a educação, na variedade de seus graus e manifestações, como
uma função social e eminentemente pública, que ele é chamado a realizar,
com a cooperação de todas as instituições sociais. A educação que é uma
das funções de que a família se vem despojando em proveito da sociedade
política, rompeu os quadros do comunismo familiar e dos grupos
específicos (instituições privadas), para se incorporar definitivamente
entre as funções essenciais e primordiais do Estado. Esta restrição
progressiva das atribuições da família, - que também deixou de ser ¨um
centro de produção¨ para ser apenas um ¨centro de consumo¨, em face da
nova concorrência dos grupos profissionais, nascidos precisamente em
vista da proteção de interesses especializados¨, - fazendo-a perder
constantemente em extensão, não lhe tirou a ¨função específica¨, dentro
do ¨foco interior¨, embora cada vez mais estreito, em que ela se
confinou. Ela é ainda o ¨quadro natural que sustenta socialmente o
indivíduo, como o meio moral em que se disciplinam as tendências, onde
nascem, começam a desenvolver-se e continuam a entreter-se as suas
aspirações para o ideal¨. Por isto, o Estado, longe de prescindir da
família, deve assentar o trabalho da educação no apoio que ela dá à
escola e na colaboração efetiva entre pais e professores, entre os
quais, nessa obra profundamente social, tem o dever de restabelecer a
confiança e estreitar as relações, associando e pondo a serviço da obra
comum essas duas forças sociais - a família e a escola, que operavam de
todo indiferentes, senão em direções diversas e ás vezes opostas.


(Manifesto dos Pioneiros da Educação Nova)
Da leitura do texto acima depreende-se que os signatários do Manifesto entendiam que:
Escolha uma:a. a educação é função social do Estado, portanto, pública.
b. a educação deve ser função da família e não de profissionais especialmente formados para educar.
c. a educação é função social do Estado, que deve impedir a família de manter atividades ou experiências educacionais.
d. a educação é uma função da família, portanto, privada.

1

Respostas

2014-05-02T21:29:02-03:00
Eu acho que a resposta é : a educação é função social do Estado, portanto, pública
2 5 2