Respostas

  • Usuário do Brainly
2014-05-03T12:42:21-03:00
O coronelismo foi um sistema de poder político que vicejou na época da República Velha (1889-1930), caracterizado pelo enorme poder concentrado em mãos de um poderoso local, geralmente um grande proprietário, um dono de latifúndio, um fazendeiro ou um senhor de engenho próspero. Ele não só marcou a vida política e eleitoral do Brasil de então como fez por contribuir para a formação de uma clima muito próprio, cultural, musical e literário que fez da sua figura um participante ativo do imaginário simbólico nacional. 
Seus meios usados era que materialmente o mundo dos coronéis era povoado pela escassez de tudo e pela pobreza quase que absoluta, quando não miséria dos moradores, o que explica a enorme dependência que todos tinham dele. 
Ele era um pode-tudo a quem era preciso recorrer nas mais diversas situações, sendo portanto compreensível que o coronel exigisse daqueles que se qualificavam como VOTANTES, o COMPROMISSO DE FIDELIDADE. Na ausência quase que absoluta do Estado, era o coronel quem exercia as mais variadas funções, sendo simultaneamente o detentor do poder político, jurídico e legislativo do município que lhe cabia, fazendo com que sua autoridade cobrisse todos espaços daquela geografia da solidão que era o seu feudo.
1 5 1
Comentário foi eliminado
obrigado
Comentário foi eliminado
2014-05-03T12:45:01-03:00
Eles conseguiam votos dos eleitores de duas formas, por meio de violência caso o eleitor votasse em outro candidato, ele podia perder o emprego ou ser surrado pelos capangas do coronel, ou pela troca de favores como remédios, alimentos, vagas em hospitais, dinheiro emprestado, empregos...