Respostas

2014-05-20T22:03:39-03:00
As Duplicatas a Receber são contabilizadas quando  uma empresa vende uma mercadoria ou presta um serviço e o pagamento não será a vista, ela pode emitir contra o adquirente uma duplicata. Para a empresa emitente, a duplicata será classificada como duplicata a receber, no Ativo Circulante ou até no Realizavel a Longo Prazo se esta tiver o prazo de liquidação acima de 12 meses.
Já a provisão para créditos de liquidação duvidosa  serve para cobrir possiveis não recebimentos de Direitos(geralmente provenientes de vendas de mercadorias aprazo,quando é uma empresa comercial).A finalidade dela é absorver as perdas que occorerão no recebimento dos Direitos no fim de cada exercício.Somente podem compor a base de cálculo da  provisão para créditos de liquidação duvidosa  os direitos oriundos da atividade econômica da empresa decorrentes da venda de bens ,serviços prestados geralmente contabilizados nas contas Clientes e Duplicatas a Receber.
1 5 1
vamos la,primeiro a constituição da provisão
Em 31 de dezembro de x1, uma determinada empresa possua em seu Ativo Circulante a conta Duplicatas a Receber, com saldo de R$500.000. Imaginemos que o percentual obtido para cálculo da provisão tenha sido de 4%. A constituição da provisão será efetuada por meio do seguinte lançamento:
a) Constituição:

Despesas com Créditos de Liquidação Duvidosa

a Provisão para Créditos de Liquidação Duvidosa

Provisão que se constitui na base de 4% sobre Duplicatas a Receber, conf. cálculos.........R$20.000
b) Utilização:

Vamos supor que no mês de fevereiro de x2, R$8.000 de duplicatas tenham sido considerados incobráveis. A baixa dessas duplicatas será efetuada por meio do seguinte lançamento:

Provisão para Créditos de Liquidação Duvidosa

a Duplicatas a receber

Baixa de duplicatas consideradas incobráveis... R$8.000
c) Reversão:

No último dia do exercício de x2, a empresa deverá constituir nova provisão com base no novo saldo da conta Duplicatas a Receber. Como há saldo remanescente da provisão constituída no exercício anterior, ele deverá ser revertido para Receita por meio do seguinte lançamento:

Provisão para Créditos de Liquidação Duvidosa

a Resultado do Exercício

Reversão que se processa do saldo não utilizado....R$12.000
Depois de efetuada a reversão, faz-se novo cálculo para constituição da provisão de x2. A nova provisão poderá ser constituída pelo método da compensação, ou seja, o valor a ser contabilizado será obtido pela diferença entre o valor da nova provisão e o saldo remanescente na conta Provisão.