Respostas

2014-05-25T20:18:57-03:00
Não acredito, A maioria dos fazendeiros brasileiros já são "empresários", a modernização no campo já é uma realidade a anos no Brasil, acontece "escravização" em áreas isoladas na minha opinião, agora o pais e de tamanho continental, e a "educação" chega de forma devagar em certos lugares. 
A escravização e a baixa renda no campo irá terminar a medida que a "educação" avançar de forma generalizada, a diversos fazendeiros empresários que construirão verdadeiras cidades para seus "funcionários" , acredito que irá melhorar cada vez mais quando projetos como esse avançar pelo interior do pais, principalmente no nordeste brasileiro. 
2014-05-25T20:40:56-03:00
Apesar de que ainda existe casos de exploração do trabalho escravo no Brasil, isso não ocorre com frequência, quero dizer, são poucos os casos, que ao meu ver se dá mais ao fato (motivo da escravidão) de que há pessoas necessitadas de dinheiro, alimentação, etc, que a adquirem como uma forma de sobrevivência, a maioria destas pessoas não sabem sobre seus direitos humanos e só lhes restam aceitar sua "realidade", muitas analfabetas. Acredito que grande porcentagem dos empresários e fazendeiros do Brasil não se submetem a explorar trabalhadores por causa das leis, porém a minoria sim (casos isolados; interior). Um dos problemas é que o sistema brasileiro não funciona muito bem, digo, não é bem administrado/organizado e infelizmente há pessoas ignorantes ao ponto de aderir á escravidão.