Boa parte do lixo produzido no Brasil termina em lugares inadequados. É o que revela uma pesquisa divulgada, com exclusividade, pela coluna Sustentável.
Na última década, 40 milhões de brasileiros ascenderam socialmente. Essa nova classe média passou a consumir mais e quem consome mais gera mais lixo.
Nos últimos dez anos, a população do Brasil aumentou 9,65%. No mesmo período, o volume de lixo cresceu mais do que o dobro disso, 21%. É mais consumo, gerando mais lixo, que nem sempre vai para o lugar certo.
Segundo a Abrelpe (Associação Brasileira de Empresas de Limpeza Pública e Resíduos Especiais), apenas no ano passado foram descartados 24 milhões de toneladas de resíduos em lugares inadequados. Isso seria suficiente para encher 168 estádios de futebol do tamanho do Maracanã.
“Nós temos no Brasil hoje, ainda, mais de 3 mil municípios que fazem uso dessas formas de destinação inadequadas. É muita coisa ainda para ser arrumada no país”, diz Carlos Silva Filho, diretor-executivo da Abrelpe.
Fonte: Adaptado de: <http://g1.globo.com/jornal-da-globo/noticia/2013/05/volume-de-lixo-cresce-em-proporcao-maior-que-pop.... Acesso em: 27 abr. 2014.
Com relação às informações apresentadas no texto, percebe-se que:

1
resposta :o lixo produzido pela população brasileira aumentou, entretanto, ainda tem destinação final inadequada

Respostas

2014-05-26T01:44:34-03:00
A população aumentou, e o lixo dobrou, quase que triplicando...
E com a quantidade de lixo jogados em lugares inadequados, com pouco tempo vamos ter um problema muito grave com os lençóis freáticos ( o solo onde os resíduos dos lixos vão parar) E um país mais poluído do que já é.