A formação do Brasil é marcada pela diversidade étnica. Segundo Darcy Ribeiro, antropólogo brasileiro, pelo encontro entre o branco, o negro e o índio. Em nossa aula falamos sobre os afros e os indígenas brasileiros. Eles representam parte considerável de nossa população. Contudo, segundo dados do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), há uma demonstração de preconceito até mesmo quando é necessária a identificação da população com sua origem. Isto se comprova quando:
ALTERNATIVAS
Na identificação da população parda com sua origem afro. Há uma discriminação por parte dos pesquisadores do IBGE que os inclui como brancos e camufla a verdadeira formação da população, predominantemente negra.

Há uma negação da origem por parte dos próprios brasileiros entrevistados pelo IBGE. Muitos que são mulatos ou pardos associam-se à origem branca e negam sua descendência afro.

Os brasileiros têm sua formação predominantemente afro. Hoje, mais de 75% são pretos e 10% pardos. O que demonstra a pouca miscigenação ocorrida no país.

O Brasil, diferente dos Estados Unidos, teve pouca influência da imigração africana. O número de afros vindos para o Brasil durante a escravidão não chega a 10% dos cativos.

1

Respostas

2014-05-27T21:44:51-03:00