Respostas

2013-07-02T20:00:59-03:00

Vargas voltou ao poder em 1950 com um discurso nacionalista e enfrentando alguns problemas econômicos.

 

Devido a esse discurso nacionalista,ele tomou medidas que descontentaram grandes interesses estrangeiros,como a criação da Petrobras.E em 1954,com a concessão de 100% de aumento no salário mínimo,os grandes empresários se voltaram contra ele,perdendo também o apoio das elites do país.

 

Ligado a isso,estava a insatisfação dos chefes das forças armadas(que inclusive,o obrigaram a renunciar em 1945),somado o aumento constante dos preços,prejudicando também os trabalhadores e gerando greves gerais.

 

E para finalizar,Vargas era acusado pela imprensa nacional(principalmente Carlos Lacerda) de comunismo,pelo não alinhamento com os EUA.

 

Por todos esses motivos,Vargas sentiu-se pressionado e novamente teve de sair do poder,desta vez,definitivamente.