A economia do Brasil, ainda que não tenha sido afetada pela última crise mundial, parece estar bem exposta. Pelo menos é o que pensa o Banco Central Americano (FED). Observe a charge a seguir que ironiza a situação brasileira, e em seguida, responda corretamente.

Fonte: Disponível em: <http://www.chargeonline.com.br/doano.htm>. Acesso em: 27 abr. 2014.

Analisando a charge, é correto afirmar:

a) A visão do chargista está equivocada ao representar a realidade econômica global como competiriva e predatória: tudo o que precisamos é encontrar o nosso caminho de crescimento e o resto não deveria nos preocupar.

b) O fortalecimento das crises mundiais não nos afetará, uma vez que somos pequenos. O que o relatório do Banco Central americano indica é o que os únicos atingidos serão os grandes blocos econômicos.

c) Ao expor o Brasil como uma "barata", o chargista está indicando que somos uma economia pequena, mas forte perante as outras potências.

d) A atuação do Brasil perante as outras economias, maiores e mais dinâmicas, deveria ser de subserviência, já que não temos muito o que fazer para combatê-las.

e) Para o chargista, o Brasil está bastante exposto. Ou, em outras palavras: a vulnerabilidade do Brasil pode ser comparada à exposição de um inseto diante de seus predadores naturais.

1

Respostas

A melhor resposta!
2014-06-02T20:51:39-03:00
Para o chargista, o Brasil está bastante exposto. Ou, em outras palavras: a vulnerabilidade do Brasil pode ser comparada à exposição de um inseto diante de seus predadores naturais.
2 5 2