Respostas

A melhor resposta!
2014-06-05T14:07:16-03:00
O Mal de Alzheimer é uma doença lenta e fatal doença do cérebro, afetando 1 em cada 10 pessoas acima de 65 anos. A doença evolui de pouco em pouco, e começa quando fragmentos de duas proteínas anormais se juntam, e começam a matar as células do cérebro.
Tudo começa no hipocampo, que é a parte do cérebro que guarda a nossa memória mais recente, mais ou menos dos últimos 10 anos de vida. Lentamente, essas placas malignas vão destruindo-o gradativamente, e acaba se tornando cada vez mais difícil guardar fatos recentes. Por exemplo, algo que você fez há um dia atrás devia estar na sua memória. Mas não está. Depois disso, mais placas vão se formando, e indo para outras regiões do cérebro, matando as células. É essa expansão que vai determinando as fases do Alzheimer. Nesta fase da doença, as funções começam a se comprometer. A primeira que o portador de Alzheimer irá sentir dificuldade é a fala. É comum pessoas com a doença não conseguirem se comunicar direito nas primeiras fases dela, e quanto mais ela vai avançando, maior vai ficando a dificuldade de falar. Chega um ponto, no estado mais avançado, em que o portador não consegue mais se comunicar através da fala. Depois, essas células malignas de dirigem à parte frontal do cérebro, onde fica o pensamento lógico. Pouco a pouco, a pessoa vai perdendo a capacidade de resolver problemas e fazer planos. Após isso, chega o momento um pouco mais grave da Alzheimer, que é quando as placas migram para a parte do cérebro que controla o humor. O portador da doença então começa a não ter mais o controle de suas emoções, podendo ter crises de raiva, e até agredir a pessoa que tenta fazer funções como banhá-la ou cortar suas unhas. Depois as células chegam a parte do cérebro que controla os sentidos, ou seja, o que vemos, cheiramos, ouvimos, etc. É uma fase complicada, pois a pessoa afetada pela doença pode começar a ter alucinações. Quando isso acontece, as placas vão para a parte mais de trás do cérebro, onde ficam guardadas as memórias mais antigas, como a família, a casa quando morou quando criança, enfim. As vão matando as células cerebrais e apagando essas memórias preciosas. Perto do fim, a doença compromete o equilíbrio, obrigando o portador da doença a usar uma cadeira de rodas, ou até mesmo ficar apenas deitado. Dependência total, imobilidade crescente, incontinência urinária e fecal e tendência em assumir a posição fetal são alguns dos sintomas que caracterizam fase final da doença. Há outros, como a perda progressiva de peso infecções urinárias e respiratórias freqüentes, bem como o término da comunicação. Isso tudo acontece, e logo depois vem a destruição da parte do cérebro que controla os batimentos cardíacos e a respiração, levando o paciente à morte. 

(Não é copiado de nenhum site. Eu simplesmente peguei um trabalho que fiz - com minhas próprias palavras - e copiei aqui. Está bem completo, espero que ajude.)
2 5 2
2014-06-05T14:09:21-03:00
Alzheimer é a perda de funções cognitivas (memória, orientação, atenção e linguagem) causadas pela morte de células cerebrais.