Respostas

2014-06-18T18:52:40-03:00
Para que ela tivesse um pescoço tão fino
Para que os seus pulsos tivessem um quebrar de caule
Para que os seus olhos fossem tão frontais e limpos
Para que a sua espinha fosse tão direita
E ela usasse a cabeça tão erguida
Com uma tão simples claridade sobre a testa
Foram necessárias sucessivas gerações de escravos
De corpo dobrado e grossas mãos pacientes
Servindo sucessivas gerações de príncipes
Ainda um pouco toscos e grosseiros
Ávidos, cruéis e fraudulentos
Foi um imenso desperdiçar de gente
Para que ela fosse aquela perfeição
Solitária, exilada sem destino

(ANDRESEN)


Nesse poema de Andrensen, é esposto de forma implicita o fato da mão de obra escravatória ter favorecido continuamente os príncipes trazendo a eles muitos privilégios. OK?