Uma corda de massa desprezível pode
suportar uma força tensora máxima de 200N sem se romper. Um garoto
puxa, por meio desta corda esticada horizontalmente, uma caixa de 500N
de peso ao longo de piso horizontal. Sabendo que o coeficiente de atrito
cinético entre a caixa e o piso é 0,20 e, além disso, considerando a
aceleração da gravidade igual a 10 m/s2, determine:

a) a massa da caixa;

b) a intensidade da força de atrito cinético entre a caixa e o piso;

c) a máxima aceleração que se pode imprimir à caixa.

2

Respostas

2014-07-16T16:52:12-03:00
P=500
T=200
g=10
μ=0,20
N=P

a)
P=m.g
500=m.10
m=500/10
m=50

b)
F=μ.N
F=0,20.m.g
F=0,20.50.10
F=2.50
F=100N

c)
F=μ.N
m.a=μ.m.g
50.a=0,20.50.10
a=0,20.10
a=2 m/s

1 5 1
Obrigado ^^
Comentário foi eliminado
?? claro que não '-'
A melhor resposta!
2014-07-16T16:58:29-03:00
A) 50 kg. Pois P =mg, então 500 = m.10, m=50

b) A força de atrito é dada por Fat = N.µ, onde N é a força normal do objeto.

Como ele está parado no plano vertical, P - N = 0, ou seja, N=P
* Sempre no plano vertical, Normal = Peso.

Fat = P.
µ 
Fat = m.g.µ
Fat= 500.0,2 = 100N

c) Aplicando a segunda Lei de Newton, teremos:

R = ma
Fmax - Fat = ma
200 - 100 = 50.a
a = 2m/s²

Espero ter ajudado ;P


3 5 3