Respostas

2014-07-20T19:13:18-03:00
Na fermentação Láctea , o piruvato é transformado em acido lácteo pela utilização de íons de hidrogênio transportados pelo NADH formados na Glicólise.
Na fermentação alcoólica, o piruvato libera, inicialmente uma molécula de gás carbono, formando um composto com dois carbonos que sofre redução pelo NADH, originando álcool etílico.