Respostas

2014-07-29T01:02:29-03:00
Primeiramente, no início do século XX, acreditava-se, por Alfred Wegener, que os continentes "flutuavam" sobre os oceanos. O que o levou a propor sua teoria foi o "encaixe" entre a América do Sul e África e as semelhanças geológicas, da flora e fauna entre continentes tão distantes.
Estudos realizados no fundo dos oceanos, porém, trouxeram à tona uma nova teoria: a das placas tectônicas. Estes, em meados do século XX, por meio de sondas, batiscafos, câmeras, e outros instrumentos, "vislumbraram" o assoalho oceânico, em que foi permitido discernir o surgimento de fossas marinhas, imensas cordilheiras oceânicas - as maiores da Terra - e, atividade vulcânica. A partir daí, pensou-se na Terra com variadas camadas e placas, de densidades diversas, que ora colidem, ora se afastou, ou ainda entram em atrito. Tais placas sofreriam escorregamento, com o magma há quilômetros de profundidade (na astenosfera). Isso explicaria os vulcões e terremotos.
2 4 2