Respostas

2013-08-11T22:55:01-03:00
Para as economias sul-americanas, a agricultura constitui setor fundamental nas trocas comerciais com terceiros países, principalmente com os desenvolvidos, entre os quais se destaca a União Européia. Aumentos de produtividade agrícola representam, entre outros, maior volume exportado e assim melhoria na posição competitiva do país no mercado mundial, sendo que maior eficiência técnica e progresso tecnológico são imprescindíveis para que esses incrementos ocorram. Portanto, no presente trabalho objetivou-se estimar a fronteira de produção da agricultura para os países sul-americanos comparativamente à União Européia, dado o estreitamento das relações comerciais entre esses blocos e a necessidade de averiguar se de fato a produtividade agrícola desses países em desenvolvimento é menor que a da União Européia, ante o estreitamento das relações comerciais entre eles. Para tal, utilizou-se o método de programação linear "Data Envelopment Analysis (DEA)" e o índice de Malmquist, que decompõe a produtividade total dos fatores em eficiência técnica e variação tecnológica, para 1980 a 2002. Como resultado principal, tem-se que apesar dos subsídios, a agricultura do bloco europeu não é eficiente, embora apresente progresso tecnológico.
Para as economias sul-americanas, a agricultura constitui setor fundamental nas trocas comerciais com terceiros países, principalmente com os desenvolvidos, entre os quais se destaca a União Européia. Aumentos de produtividade agrícola representam, entre outros, maior volume exportado e assim melhoria na posição competitiva do país no mercado mundial, sendo que maior eficiência técnica e progresso tecnológico são imprescindíveis para que esses incrementos ocorram. Portanto, no presente trabalho