Respostas

2014-08-15T12:18:35-03:00
Através de transmutações devido à fusão nuclear do Hélio em Carbono no interior das estrelas. 

Estrelas possuem a maior parte de sua massa formada por Hidrogênio e Hélio, uma média de 95%. 

Uma estrela possui um limite de existência, que é definido pela quantidade restante de matéria que pode servir de combustível para a fusão nuclear, quando este limite é atingido ela explode, espalhando pelo Universo a matéria criada em seu interior (elementos mais pesados, como o Ferro, o Carbono e etc). 

No interior de estrelas Hidrogênio é convertido em Hélio. 
"Por quê?", você deve estar se perguntando. 
A resposta é porque é através desta "conversão" (denominada Fusão Nuclear) que se obtém energia, e uma estrela necessita desta energia para manter-se expandida. Quando o Hidrogênio começa a se tornar escasso, dá-se início à conversão de Hélio em Carbono e assim por diante, até alcançar um elemento na qual a fusão nuclear torna-se praticamente ineficaz e a estrela "implode" através da sua própria força gravitacional (que puxa toda a estrela para o seu próprio centro), e é exatamente por isso que ela necessita da produção de energia, para poder se manter equilibrada, (Força Gravitacional) VS. (Força de expansão causada pela Fusão Nuclear). 

A Fusão Nuclear acontece por exemplo, no processamento das bombas de hidrogênio, aquela quantidade de energia que provoca uma força e uma expansão devastadoras é produzida em grandes quantidades a cada segundo no interior do Sol e de todas as outras estrelas (exceção para algumas). 

OBS: Apenas para efeito de comparação: As bombas lançadas sobre Hiroshima e Nagazaki em 1945 pelos EUA, são cerca de 1000 vezes mais fracas do que uma bomba de hidrogênio, uma vez que estas (bombas de Hiroshima/Nagasaki) ocorrem através da FISSÃO NUCLEAR e não através da FUSÃO NUCLEAR (bomba de Hidrogênio). 

ESPERO Q ISSO AJUDE!

1 1 1