Respostas

2014-08-17T13:50:39-03:00
Na antiguidade prevalecia a relação de escravizador- escravo. 
Mais adiante, a concepção de proprietário e trabalhador, que prevalece até hoje.
A Crescente divisão do trabalho é uma das características das sociedades modernas. Os autores clássicos Émile Durkheim e Karl Marx possuem duas concepções diferentes sobre elas.
Para Karl Marx, a divisão social do trabalho é realizada no processo de desenvolvimento das sociedades. Ele quer dizer que, conforme buscamos atender a nossas necessidades, estabelecemos relações de trabalho e maneiras de dividir as atividades. Por exemplo: nas sociedades tribais, a divisão era feita com base nos critérios de sexo e idade; quando a agricultura e o pastoreio começaram a ser praticados, as funções se dividiram entre quem plantava, quem cuidava dos animais e quem caçava ou pescava.

Émile Durkheim analisa as relações de trabalho na sociedade moderna de forma diferente da de Marx. em seu livro da Divisão do trabalho social, escrito no final do século XIX, procura demonstrar que a crescente especialização do trabalho promovida pela produção industrial moderna trouxe uma forma superior de solidariedade e não de conflito.
1 1 1