Respostas

2013-08-13T23:23:09-03:00
 Vantagens de uso dos biocombustíveis- Possibilita o fechamento do ciclo do carbono (CO2), contribuindo para a estabilização da concentração desse gás na atmosfera (isso contribui para frear o aquecimento global);- No caso específico do Brasil, há grande área para cultivo de plantas que podem ser usadas para a produção debiocombustíveis;- Geração de emprego e renda no campo (isso evita o inchaço das cidades);- Menor investimento financeiro em pesquisas (as pesquisas de prospecção de petróleo são muito dispendiosas);- O biodiesel substitui bem o óleo diesel sem necessidade de ajustes no motor;- Redução do lixo no planeta (pode ser usado para produção debiocombustível);- Manuseio e armazenamento mais seguros que os combustíveis fósseis. 2. Desvantagens do uso dos biocombustíveis- Consome grande quantidade de energia para a produção;- Aumento do consumo de água (para irrigação das culturas);- Redução da biodiversidade;- As culturas para produção de biocombustíveis consomem muitos fertilizantes nitrogenados, com liberação de óxidos de nitrogênio, que também são gases estufa;- Devastação de áreas florestais (grandes consumidoras de CO2) para plantio das culturas envolvidas na produção dos biocombustíveis;- Possibilidade de redução da produção de alimentos em detrimento do aumento da produção de biocombustíveis, o que pode contribuir para aumento da fome no mundo e o encarecimento dos alimentos;- Contaminação de lençóis freáticos por nitritos e nitratos, provenientes de fertilizantes. A ingestão desses produtos causa problemas respiratórios, devido à produção de meta-hemoglobina (hemoglobina oxidada);- A queima da cana libera grandes quantidades de gases nitrogenados, que retornam ao ambiente na forma de “chuva seca” de fertilizantes, segundo pesquisa do químico ambiental Arnaldo Cardoso e publicada na revista “Unesp Ciência, edição de fevereiro de 2010.  Nos ambientes aquáticos, o efeito é muito rápido: proliferação de algas, com liberação de toxinas e consumo de quase todo oxigênio da água, o que provoca a morte de um grande número de espécies.