Respostas

2013-09-02T16:33:30-03:00
Bom, a variação da dilatação superficial pode ser dada pela fórmula:
S=So * B * t
S= variação da dilatação superficial
So= superfície inicial
B= coeficiente de dilatação superficial
t= diferença de temperatura.

Então fica:
S= 0,4 ( passei 40 cm para metro) *48* 10(elevado a -6) * 80
S= 4*10 ( elevado a -1) *4,8*10*10(elevado a -6) *8*10
Você deve estar se perguntando de onde eu tirei esse tanto de 10. É porque se a gente usasse como tava, a conta deveria ser feita com calculadora cientifica. Na falta de uma, passamos tudo para a potencia de 10.
aí fica:
S= 153,6*10(elevado a -5)
Potencia de 10:
S= 1,536*10(elevado a 2)* 10( elevado a -5)
S= 1,536* 10(elevado a -3)
S= 0,001536 metros.

Essa é a dilatação, mas se quiser saber a superfície final:
 Como a temperatura aumentou, a superfície da placa não contrai, aumenta. Então a superfície final é 0,4 metros (a superfície inicial ) + variação que encontramos (0,001536 metros). 
1 5 1
A melhor resposta!
2013-09-02T17:00:26-03:00
So = 40cm
To = 0ºc
T = 80ºc
coeficiente de dilatação superficial = 48.10^-6
Beta = 2.48.10^-6
Beta = 96.10^-6

delta S = So.beta.(T - To)
delta S = 40.96.10^-6(80 - 0)
delta S = 40.96.10^-6.80
delta S = 307200.10^-6
delta S = 0,3072cm²            
 OBS: quando o expoente é negativo anda-se casas para a esquerda neste caso andamos 6 casas para a esquerda.

O que achamos foi a variação do volume.
Vf = So + delta S
Vo = 40 + 0,3072
Vo = 40,3072cm²
1 5 1