Respostas

2013-09-04T22:42:56-03:00
No Império Romano, a facilidade com que eram adquiridos a baixo preço conduziu à preferência dos escravos à mão-de-obra livre. Era considerável o número de escravos que trabalhavam nos serviços domésticos. Grandes massas de escravos concentravam-se nas grandes herdades dos proprietários ricos. Porém, o seu trabalho exigia um cuidadoso controlo e a aplicação de medidas de coacção, dado que não se interessavam pelo resultado do seu trabalho, que era vigiado por capatazes, por sua vez controlados pelos donos das propriedades. Tal situação forçou muitos agrários a dividirem as suas propriedades e a entregá-las de renda em pequenas parcelas a camponeses colonos. Era impossível oferecer estímulos aos escravos. A sua utilização exigia uma mão-de-obra muito mais numerosa e dava lugar à permanência de técnicas primitivas.
6 2 6