Respostas

2013-09-06T00:05:34-03:00
São basicamente esses
Hidrofilia: através da água;
Anemofilia: através do vento;  
Entomofilia: Termo geral para todos os meios de polinização através de insetos, mas é um termo mais usado para polinização efetuada por abelhas e moscas; 
Cantarofilia: com auxílio de besouros; 
Falenofilia: através mariposas; 
Quiropterofilia: polinização por morcegos; 
Ornitofilia: polinização feita por aves. 
Psicofilia: efetuada por borboletas;
2 5 2
  • Usuário do Brainly
2013-09-06T00:17:35-03:00
Tipos Gerais: 

Anemofilia: através do vento;
Entomofilia: Termo geral para todos os meios de polinização através de insetos, mas é um termo mais usado para polinização efetuada porabelhasvespas e moscas;
Cantarofilia: com auxílio de besouros;
Psicofilia: efetuada por borboletas;
Falenofilia: através de mariposas;
Ornitofilia: polinização feita por aves;
Hidrofilia: através da água;
Artificial: através do homem;
Quiropterofilia:polinização feita por morcegos;

Pode haver também a 
auto-polinização, quando uma flor recebe seu próprio pólen. Em muitos casos, a flor possui mecanismos que rejeitam o pólen produzido em suas anteras, o que assegura a reprodução sexuada, ou seja, que haja intercâmbio de genes com outros indivíduos da espécie. No entanto, indivíduos de algumas espécies não apresentam esses mecanismos, e aproveitam-se de seu próprio pólen para produzir sementes e garantir a estabilidade de sua população. Alguns destes mecanismos são:

Dicogamia
: consiste no amadurecimento dos órgãos reprodutores em épocas diferentes; a dicogamia pode ser de dois tipos:
Protandria: quando amadurecem em primeiro lugar os órgãos masculinos e posteriormente os órgãos femininos.
Protoginia: quando amadurecem primeiramente os órgãos femininos e posteriormente os órgãos masculinos.
Dioicia: aparecimento de indivíduos com sexos separados: uma planta masculina e outra feminina.
Hercogamia: ocorre uma barreira física, que separa com filetes curtos e estiletes longos.
Heterostilia: ocorrência, nas flores, de estames com filetes curtos e estiletes longos
Auto-esterilidade: neste caso, a flor é estéril ao pólen que ela mesma produziu.