PEQUEI, SENHOR....Pequei, Senhor, mas não porque hei pecado,

de vossa alta clemência me despido;

porque quanto mais tenho delinqüido,

vos tenho a perdoar mais empenhado.
Se basta a vos irar tanto um pecado,

a abrandar-vos sobeja um só gemido:

que a mesma culpa, que vos há ofendido,

vos tem para o perdão lisonjeado.
Se uma orelha perdida e já cobrada,

glória tal e prazer tão repentino

vos deu, como afirmais na sacra história,
eu sou, Senhor, a ovelha desgarrada,

cobrai-a; e não queirais, pastor divino,

perder na vossa ovelha a vossa glória.


Gregório de Mattos


C) Levando em conta a presença do vocativo ("Senhor"), do imperativo ("Cobrai","não queirais") e o tom de humildade e arrependimento do início, a que tipo de texto se assemelha o problema?

1

Respostas

2013-09-09T18:05:54-03:00
Bom, esse é um poema da última fase de Gregório de Matos, nessa fase ele se retrata de tudo o que fez de errado, é um texto religioso
4 4 4