A Revolução Industrial introduziu um novo “Modo de Produção” que tornou a produção mais eficiente, rápida, barateamento do preço e estimulo ao consumo. As relações de produção introduzidas a partir da Revolução Industrial produziram novas formas de exploração do homem pelo homem.A Revolução Industrial provocou o êxodo rural e inchou as cidades. As máquinas foram substituindo aos poucos a mão-de-obra humana o que gerou um número cada vez maior de desempregados. Nas cidades os problemas foram se avolumando cada vez mais e estas, sem planejamento adequado, passaram a sentir as conseqüências mais nocivas da Revolução Industrial como o desemprego, aumento da pobreza, dos conflitos humanos, da violência, da poluição ambiental e sonora entre outros problemas.De acordo com Karl Marx, para que possamos entender a sociedade humana é necessário que se compreenda o modo de produção que a sociedade adota naquele momento histórico. “Modo de Produção” pode ser entendido como a maneira como se organiza o processo pelo qual o homem age sobre a natureza material para satisfazer as suas necessidades. O trabalho é assim não só um processo de relações entre um homem e a natureza, mas também entre os homens.O modo de produção capitalista corresponde essencialmente uma relação social entre duas classes. Destas, uma (a burguesia), por ter o “monopólio dos meios de produção e do dinheiro”, explora a outra (a classe trabalhadora), que não é proprietária de nada exceto a sua “força de trabalho” que, para se manter viva, se vê forçada a vender sua força de trabalho ao preço que aburguesia estabelece. Porém, de acordo com Marx, “as Relações de Produção não são da vontade do homem”
.Como você entende a afirmação de Marx quando afirma que “as Relações de Produção são necessárias, mas, não são da vontade do homem”?

1

Respostas

2013-09-12T09:02:14-03:00

Esta é uma Resposta Verificada

×
As Respostas verificadas contém informações confiáveis, garantidas por um time de especialistas escolhido a dedo. O Brainly tem milhões de respostas de alta qualidade, todas cuidadosamente moderadas pela nossa comunidade de membros, e respostas verificadas são as melhores de todas.
Para mim, na primeira linha de pensamento (o homem com a natureza) , creio eu acreditar que nenhum homem estivesse interessado em acabar com os recursos naturais, porém, como Marx diz: as mesmas são necessárias para o desenvolvimento.
Na segunda linha (o homem com o homem), deve existir uma relação da classe dominante sobre a classe operária, para manter a ordem, porém, nenhum homem quer ser dominado (ter alguém superior ao mesmo).

Uma discussão muito interessante, assim como o texto.
Bons estudos.