Respostas

2013-09-26T00:45:10-03:00
Que não há como negar que a criança é filho de outro (a) baseado em suas ações do cotidiano.
2013-09-26T00:47:46-03:00
Que os dois são parecidos, tipo  que o filho e igual ao pai ou tem algo muito parecido com ele, que eles tem muita coisa em comum
1 1 1